quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Cinzas



(Versión en español en los comentarios)


Penso na fragilidade, como cinzas sopradas. Somos chamados à Vida, sem esquecer que também somos matéria que quebra, se desfaz em sentimentos. Hoje não é dia de depressão ou tristeza, apenas de reconhecimento que o futuro está aberto à conversão. E assim se prepara o húmus, ou a humildade. 

3 comentários:

  1. Cenizas

    Pienso en la fragilidad, como cenizas sopladas. Somos llamados a la Vida, sin olvidar que también somos materia que quiebra, se deshace en sentimientos. Hoy no es día de depresión o tristeza, apenas de reconocimiento que el futuro está abierto a la conversión. Y así se prepara el humus, o la humildad.

    ResponderEliminar
  2. Que bonito Paulo.

    Tomei a liberdade de roubar para um outro espaço (com devida identificação do Link.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Mathilda,

    Obrigado! :)
    Pelo comentário e pelo "roubo", que no fundo, é uma partilha... :)

    Um Abraço!! :)

    ResponderEliminar